23 de ago de 2005

Quando a água bate na bunda...

Linus Torvalds decidiu cobrar pela marca Linux

Até os mais "livres" pensam no dinheiro.

Mas vejam bem, ele decidiu cobrar pela marca, não pelo Kernel. Mas o que pode acontecer é o pessoal das comunidades deixarem de usar o nome Linux, como foi feito com o CMS Mambo. Aí é bola pra frente com algum outro nome qualquer.

No fim das contas acho que ele está certo, já que se trata da marca. Não que ele precise, mas vai ser mais uma fonte de dinheiro para financiar seus estudos e desenvolvimentos.

1 Comments:

At 5:09 PM, Anonymous Sergio Luz said...

Aparenta ser uma faca de "dois legumes": Deve atingir mais as grandes organizações como as instituições com fins lucrativos.
Porém envereda pelo pior do capitalismo atual - os chamados valores intangíveis como marcas. A típica imagem de pessoas usando tênis americanos fabricados no Paquistão...
Quanto a ser "livre": No capitalismo existe muita liberdade para quem pode pagar. Para quem não pode existe, por exemplo, a liberdade de morrer de fome...

 

Postar um comentário

<< Home